Fisioterapia e fonoaudiologia para crianças com síndrome de down: quais os benefícios?

Tempo de leitura: 5 minutos

A fisioterapia e a fonoaudiologia podem proporcionar inúmeros benefícios para crianças com síndrome de down. Veja como essas especialidades melhoram a qualidade de vida das crianças com essa condição.

Especialidade que auxilia no tratamento de diversas condições médicas, a fisioterapia e a fonoaudiologia são aliadas no tratamento de pessoas com síndrome de down, trazendo inúmeros benefícios para o desenvolvimento motor e cognitivo. 

O que é síndrome de down?

Síndrome de Down não é uma doença e sim uma condição genética. Pessoas com síndrome de down geralmente apresentam 1 cromossomo 21 a mais, totalizando 47 ao invés de 46. No Brasil, cerca de 1 a cada 700 pessoas nasce com a condição. 

Nos últimos tempos, surgiu um novo termo para a condição, a Trissomia 21, nome dado a partir do nome científico para a presença de 1 cromossomo 21 a mais. 

Ocorre que o termo síndrome de down foi cunhado à partir do nome do pesquisador que trouxe a condição ao olhar público, John Langdon Down, em 1866 e, nos últimos anos, existe um movimento liderado pela comunidade científica para renomear condições que são batizadas por nomes de pesquisadores, em nome de uma assertividade maior. 

Logo, a Trissomia 21 ou T21 é a forma correta de se referir à síndrome de down. 

Como a fisioterapia auxilia no tratamento da síndrome de down em crianças?

Mesmo apresentando dificuldades em seu desenvolvimento, a criança com síndrome de down não está impedida de ter uma vida ativa e com autonomia. A fisioterapia é uma facilitadora do desenvolvimento motor da criança. Quanto mais cedo o tratamento de fisioterapia começar, mais efetivo ele será.

Dentre os benefícios da fisioterapia para crianças com síndrome de down estão:

  • O combate à hipotonia muscular, fortalecendo os músculos;
  • A melhora no desenvolvimento motor, facilitando a realização de atividades cotidianas;
  • O aumento do equilíbrio e do controle corporal. 

Como é realizado o tratamento de fisioterapia para crianças com síndrome de down?

O tratamento de fisioterapia para crianças com síndrome de down segue algumas etapas. Veja a seguir:

Anamnese

Sendo a etapa inicial do tratamento, a anamnese é uma avaliação feita pelo fisioterapeuta que leva em consideração o histórico familiar e médico da criança e como foi o acompanhamento pré-natal. 

Nesta fase, o profissional de fisioterapia vai avaliar a força muscular, a mobilidade funcional e o equilíbrio da criança. No caso de crianças mais velhas também é avaliada a sua habilidade motora e em práticas esportivas. 

Treinamentos para aquisição de marcha

A aquisição de marcha é importante para o desenvolvimento de atividades funcionais. Em alguns casos, a pessoa com síndrome de down pode ter a marcha comprometida e não conseguir fixar a marcha de forma independente, necessitando de auxílio para se locomover.

Por isso, a fisioterapia  focada nesse tipo de treinamento é fundamental para que as crianças possam ter mais autonomia ao caminhar. 

Recomenda-se que o tratamento tenha início cedo, a partir dos 11 meses de idade ou quando a criança já possua autonomia para permanecer sentada sozinha por cerca de 30 segundos. 

Órteses e palmilhas

O uso de órteses e palmilhas é recomendado para pessoas com síndrome de down, já que os membros inferiores geralmente são desalinhados e os pés apresentam instabilidade, o que prejudica a caminhada e a permanência da pessoa em pé. Os itens devem ser desenvolvidos especificamente para o tratamento da pessoa com síndrome de down.

Desenvolvimento de habilidades para a vida escolar e adulta

Depois de desenvolver habilidades de coordenação e equilíbrio, o tratamento de fisioterapia para crianças com síndrome de down entra em uma nova fase. É hora de preparar a criança para a vida escolar e adulta através de exercícios que aumentem a força muscular, melhorem o equilíbrio e reduzam quedas, alinhem a postura corporal e aumentem a agilidade no desempenho de tarefas. Com esta última fase, a criança fica mais segura para se desenvolver e entrar na vida adulta com menos limitações.

É importante que a fisioterapia atue em conjunto com outros tratamentos, assim como o tratamento psicoterapêutico e ocupacional, acompanhamento e tratamento ortopédico e fonoaudiológico.

A prática de exercícios físicos também é estimulada além do tratamento de fisioterapia. Se comprometer com o tratamento e realizá-lo com o mesmo profissional também é essencial, já que assim ele consegue avaliar o progresso da criança de forma mais assertiva e dá melhor continuidade aos exercícios e tratamentos. 

Lembre-se: Os pais têm um papel essencial no tratamento, já que cabe a eles  ter comprometimento com as sessões e incentivar a criança a realizar os exercícios, demonstrando o quanto o tratamento é importante para  melhorar a sua qualidade de vida. 

Como a fonoaudiologia ajuda no tratamento de crianças com síndrome de down?

A fonoaudiologia aparece como um dos tratamentos que auxiliam crianças com síndrome de down a se desenvolver.

Por conta da hipotonia, as crianças com síndrome de down possuem uma musculatura facial mais fraca, o que pode dificultar o desenvolvimento da fala e da comunicação oral. Nesse sentido, a fonoaudiologia é uma forma de fortalecer e exercitar os músculos faciais responsáveis pela articulação. 

Além da fala, a fonoaudiologia também ajuda na melhora da habilidade de deglutir, fazendo com que a criança possa se alimentar melhor e com mais segurança. 

Conforme a criança cresce e o tratamento avança, o fonoaudiólogo pode também realizar exercícios que ajudem no desenvolvimento da leitura e escrita.

Em conjunto com os pais e uma equipe multidisciplinar, o fonoaudiólogo atua dando suporte aos outros tratamentos.

_______________________________________________________________________

Aqui na Central da Saúde, temos  profissionais de fisioterapia e fonoaudiologia, que realizam atendimento de crianças com síndrome de down de forma domiciliar em todo o Brasil. 

Fale com a nossa equipe e saiba como agendar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *